Páginas

Cursos Gratuitos

segunda-feira, setembro 29, 2014

Qualidade Xandão Placas!


sexta-feira, setembro 26, 2014

Torneio de Domingo na ACPS.



Torneio ACPS / RS


Domingo - 28/09/2014.


 Trinca Ferro;
Azulão;
Canário;
Bico de Pimenta.






Local dos torneios:
Sede ACPS, Rua Oly Titton nº 528,
Faixa de Taquara, Parada 77.
Contato ACPS:(51)3471-4054.

"Agrotóxico - Causa destruição em massa de aves pássaros e insetos"



Aí está a diferença entre preservação e extinção...
Nós criadores de pássaros, dedicamos nosso tempo neles de forma carinhosa, atenciosa e o mais duradoura possível.
Existem akeles "leigos" que dizem ...
- Solta ele !!!
- É mais bonito solto !!!
- Passarinho da gaiola é triste !!!
Poucos sabem que os passarinheiros no BRASIL hj são inúmeros, são criadores, mantenedores de espécies. Se hj existem algumas espécies de pássaros se devem aos criadores, pois o fundamental de tudo isso ... é não confundir o criador de pássaros com os traficantes e vendedores deles em feiras.
Então nessa matéria abaixo, deixo prá vcs leem e analisar quem são os criminosos de verdade. Quem cria ? Ou a entidade que deveria preservar ?
‪#‎ficaadica‬#desabafo#preconceito#brasilpaispreconceituoso

Créditos: Carlos Eduardo Rebello.






O que vc acha que esta acabando com as aves livres? São só alguns traficantes de animais que estão pelo país a fora? Eles são apenas uma gota no oceano!
Porque não se encontra mais canários da terra livres em bandos em Minas, não se encontra mais pássaros pretos no norte do Paraná? As borboletas sumiram!
Os verdadeiros responsáveis são os agrotóxicos e venenos usados nas lavouras e outros como o carro fumace, que hoje está proibido. Eles matam em massa! Desde siriemas a abelhas!
Os orgãos responsáveis estão preocupados é com os criadores, aqueles que estão cuidando das aves porque gostam. O que acontece no meio da lavouras não incomoda pq não é denunciado, e quando é, é de um pequeno produtor. Quem já viu sabe que não dá nem pra andar sem pisar em algum bicho morto! O cheiro é terrível! A cena é de doer! Mas o poder e o lucro estam acima de tudo e de todos. Então fecham-se os olhos! As aves comem na maioria os brotos das plantações, prejudicando as mesmas, então tornam-se pragas indesejáveis. Quando vc tem amigos que trabalham nesses lugares vc ouve casos inacreditáveis de covardia e destruição. É mto mais fácil ir a casa do criador na cidade, do que percorrer milhares de hectares de terra pra fiscalizar. É mais barato e lucrativo multar do que investir em conscientização ecológica e outros meios de preservar a plantação sem agredir a fauna a flora e o meio ambiente.
Os traficantes tem que ser combatidos e denunciados SIM! Pelos mau tratos e crueldade!!!!
Todo tipo de fiscalização é valida, só acho que eles estão começando pelo lado errado do túnel! Estão começando pelo final! Afinal acima da água só está a ponta do iceberg!
E só procurar na internet, as reportagens aparecem aos montes....


Créditos: Ana Paula Mendes.

quinta-feira, setembro 18, 2014

Promoção Farroupilha!


Prezado Cliente!

Neste mês de Setembro, estamos disponibilizando um desconto especial para você!

Nas compras acima de R$ 50,00 em Alimentos na nossa loja virtual www.rauppepassaros.com.br

Você terá um desconto de 10% no valor total do pedido.

Só colocar o número 20092014 do código de cupom.



quarta-feira, setembro 10, 2014

POR QUE CRIAR PÁSSAROS EM DOMESTICIDADE.

1) Preservação da Espécie:
A destruição do ambiente natural torna obrigatória a criação de pássaros em domesticidade para garantir o direito à vida de várias espécies.
“A proteção, o uso sustentável e o manejo da fauna silvestre em busca do equilíbrio ambiental podem e devem ser feitos pelo Governo e a Sociedade de forma integrada no sentido de defender o que é de todos: o patrimônio natural do Brasil, bem de uso comum de todos os brasileiros e garantia para as futuras gerações.” (IBAMA).
“Cada pássaro licenciado que se cria na gaiola, ocupará certamente o lugar de outro que seria retirado da Natureza. É uma contribuição direta para o desestímulo ao tráfico.” (Confederação Brasileira dos Criadores de Pássaros Nativos - www.mma.gov.br). Atualmente a criação de pássaros, licenciada pelo IBAMA, representa a esperança na preservação de espécies.
2) Aprimoramento Genético:
A criação em domesticidade permite o aumento dos cuidados com a saúde dos animais e a seleção genética, evitando assim a extinção de várias espécies.
3)Aumento de empregos diretos e indiretos:
A criação de pássaros demanda cuidados muito específicos e uma ampla dedicação por parte dos criadores, exigindo a manutenção de um ambiente saudável para estes animais. Tais ações contribuem de maneira significativa no aumento de empregos diretos e indiretos o que possibilita a contratação de veterinários, tratadores, secretária, administradores, biólogos, entre outros. Estas ações geram também a produção, fabricação e comercialização de rações, sementes, equipamentos eletrônicos, laboratórios veterinários, gaiolas e etc.
4) Aumento de impostos arrecadados pelo Governo:
Aumentando o dinheiro arrecadado pelo governo federal, estadual e municipal com a obrigatoriedade dos impostos com comercialização dos pássaros reproduzidos em domesticidade, dos serviços e insumos a eles associados, surgem novas possibilidades de investimento na preservação do meio ambiente.
5) Cumprimento do Tratado Internacional IAIA de preservação:
Mais de 150 paises assinaram o Tratado Internacional IAIA obrigando o incentivo à criação em domesticidade de forma legal, diminuindo a procura por pássaros ilegais.
6) Propicia o entretenimento saudável e Terapia Ocupacional:
A faixa etária dos criadores de pássaros é elevada, que tem como hobby a reprodução de pássaros em cativeiro. A relação de amor com os pássaros é tão intensa que colabora com tratamentos de depressão e doenças relacionadas a esta.
7) Preservação da Cultura brasileira:
Desde os índios brasileiros, mantivemos o hábito de manter pássaros em domesticidade. Hoje os mantenedores se tornaram criadores e o número é muito maior, colaborando para preservação das nossas heranças culturais e tradições.
8) Reintrodução a natureza:
“Enquanto a devastação de seus habitats naturais não tiver uma solução a curto prazo, os criadores serão detentores de um banco genético, com espécimes domésticos/nativos em quantidade superior aos silvestres. Parte deste “estoque” poderá ser utilizado em programas de reintrodução a qualquer momento, obedecidos os protocolos legais que envolvem a questão.” (Confederação Brasileira dos Criadores de Pássaros Nativos -www.mma.gov.br).
9) Exportação de pássaros reproduzidos em domesticidade:
Ajuda equilibrar a balança do comércio exterior e gerar mais divisas para nosso país.
10) Contribuí diretamente para o desestímulo ao tráfico de pássaros:
O tráfico ilícito de animais visa o lucro e não se importa se as espécies irão sofrer danos físicos ou não, o tratamento dado por estas pessoas prejudica o desenvolvimento dos pássaros e contribuem para sua extinção já que se resume a retirada brutal da natureza. Já os criadores licenciados pelo IBAMA estimulam a compra legal de espécies, protegem-nas da extinção, dão os cuidados, alojamento, a alimentação, assistência a saúde, à reprodução e ao aprimoramento genético de forma adequada para que estes animais possam viver com qualidade. Estas pessoas admiram o canto e beleza de seus pássaros dando a eles uma vida saudável. Assim, a criação de pássaros em domesticidade por pessoas que adquirem seus animais destes criadores ao invés da compra ilegal contribuem cada vez mais para o desestímulo do tráfico.


Pesquisa: Criatório Guajuviras.




quinta-feira, setembro 04, 2014

Torneio ACPS - 06/09/2014.







Torneio ACPS / RS


Sábado - 06/09/2014.


 Azulão;
Canário;
Curió;
Bicudo.



Local dos torneios:
Sede ACPS, Rua Oly Titton nº 528,
Faixa de Taquara, Parada 77.
Contato ACPS:(51)3471-4054.


APOIO:


quarta-feira, setembro 03, 2014

INFORMAÇÕES DA SEMA


INFORMAÇÕES IMPORTANTES: ATENDIMENTO, REPRESENTAÇÃO E TORNEIOS
Publicação: 03/09/2014 - 15:45
INFORMAÇÕES IMPORTANTES PARA AS ENTIDADES ASSOCIATIVAS DE CRIADORES AMADORES DE PASSERIFORMES: ATENDIMENTO, REPRESENTAÇÃO E TORNEIOS
A partir do dia 8 de setembro de 2014 o atendimento às entidades associativas será realizado nas 2ª, 3ª e 4ª – das 9h às 11h30 e das 14h às 17h, somente com AGENDAMENTO por telefone ou e-mail.
O Setor de Fauna Silvestre (Sefau) da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema) utilizará este espaço para orientar/informar aos clubes, associações, federações e confederações acerca da responsabilidade das entidades cadastradas na representação de seus sócios, bem como sobre a realização de Torneios de Canto e Exposições de Passeriformes Silvestres.
Lembramos que a Sema não possui nenhuma espécie de vínculo ou obrigação para com as demandas originadas nas entidades associativas. A Sema restringe-se somente à análise de viabilidade da realização de torneios e/ou requerimentos de diversos fins originados de seus associados.
ÀS ENTIDADES ASSOCIATIVAS
1) A Sema/RS não aceitará requerimentos/solicitações de associados via entidades associativas que não estejam devidamente cadastradas nesta Secretaria;
2) Toda representação deverá ser realizada através de procuração por instrumento público específico (para o caso de novas senhas) e/ou procuração particular específica para demais demandas, com firma reconhecida (ACESSO AQUI O MODELO DE PROCURAÇÃO PARTICULAR - PESSOA JURÍDICA OU NO ANEXO ABAIXO);
3) Usuários do Sistema que estiverem suspensos e pedirem recadastramento não serão atendidos até a resolução de sua pendência junto ao Órgão que realizou o procedimento;
• O cadastro “suspenso” não está cancelado. Dessa forma, o criador não perde o cadastro, apenas fica inativo.
• Pessoas que requererem o cadastro como criador amador de passeriformes e residirem no mesmo endereço de um criador “suspenso”, terão seus requerimentos indeferidos.
4) A Sema publicou a Portaria Sema nº 55 de 06 de agosto de 2014 que estabelece critérios para registro das entidades associativas, critério e prazos para a realização de torneios de canto e exposições de passeriformes para Estado do Rio Grande do Sul;
5) Cumprindo a legislação em vigor, não são permitidas em torneios, aves oriundas de criadouros comerciais autorizados com nota fiscal a qual não estiverem inseridas no plantel do criador no SISPASS;
6) Por força do Art. 11 da IN 10/2011, toda ave adquirida de criador comercial deverá ser registrada obrigatoriamente no SISPASS; a. Caso o criador não possua cadastro SISPASS, não poderá adquirir aves antes de se cadastrar como novo criador.

Fonte: Criatório Guajuviras.

segunda-feira, setembro 01, 2014

Notícias > Ranking de Inverno ACPS

RANKING DE INVERNO

No ano de 2014 , a ACPS , Associação dos Criadores de Pássaros do Sul , inovando mais uma vez criou o ranking de inverno , onde seriam computados os torneios conhecidos como incentivos , os quais são realizados nos meses de maio , junho e julho .
Após a realização de três etapas , fomos comunicados de que a Secretaria Estadual de Agricultura havia lançado uma instrução normativa , na qual proibia no período da copa do mundo de futebol no Brasil a aglomeração de aves , fato este que acabou por cancelar 4 etapas do nosso ranking , o qual ficou prejudicado , mas não foi cancelado .
Sendo assim estaremos entregando a premiação aos 3 primeiros colocados no dia 31 de agosto de 2014 .


TRINCA FERRO:

1º Daniel Becker – Corricotio
2º Claudemir Coelho – Scheriff
3º Jersinho – Gladiador

AZULÃO:

1º Everaldo Gonçalves
2º Ananias Daniel Teixeira
3º Andre Luis Montanha

CARDEAL:

1º Itamar Mahl Rodrigues – Guaxo
2º Marcio Flesch Falkembach
3º Jocsa dos Passos Amador .


Esta noticia foi publicada em 2014-08-12 por Carlos Eduardo